Sydney

SYDNEY




Só tenho que agradecer às milhas mesmo… Mais um sonho realizado, conheci 2 paraísos na mesma viagem – a Austrália e a Nova Zelândia.

Sydney é um cidade incrível, o único problema é o trânsito, mas todo o resto é bom – praias, cachoeiras, florestas,  organização, educação etc.

Fiquei no albergue Sydney Central YHA, que está num prédio tombado como patrimônio histórico. Fica no distrito central empresarial a uns 20 minutos a pé da Opera House. Você pode ver todos os hotéis listados no booking.com por esse link.



Eu aluguei um carro em todas as cidades que visitei na Austrália e o melhor preço que achei foi neste site. Logo no primeiro dia, já fui direto num zoológico para ver coalas e cangurus. Descobri um que fica um pouco afastado do centro de Sydney, o Featherdale Wildlife Park que é um zoológico pequeno que tem cangurus soltos e onde você pode ficar bem perto dos coalas. o Parque fica a uns 40 km do centro.

sydney.

Meu carro.

 

sydney IMG_0477

Abaixo a foto da Anzac Bridge que passei, indo para o Zoológico. Notem que o volante fica no lado direito, como na Inglaterra. Demorei muito pra me acostumar. Realmente é perigoso porque a mão também é inversa, então, às vezes, quando você liga o carro e dá a partida, você já entra no lado direito da mão, como de costume. É preciso muita atenção ao dirigir na Austrália e Nova Zelândia.

IMG_0493

 

Ainda no mesmo dia, no fim de tarde, deixei o carro no Hotel e fui andando pela George St. até os cartões postais mais famosos da cidade – a Sydney Harbour Bridge e a Opera House. É uma região muito animada, com vários eventos rolando no fim da tarde. Ali perto da George St., tem uma feira de comidas muito legal – o The Rocks Market. Vale procurar o wrap de almôndega que é uma delícia. É ali nessa região que está o Museu de Arte Contemporânea também.

IMG_0513

Museu de Arte Contemporânea.

 

IMG_0512

Opera House.

IMG_0515

IMG_0529

Sydney Harbour Bridge e Opera House.

 

IMG_0523

The Rocks Market.

 

No dia seguinte fui até Bondi Beach. Uma praia linda numa região muito tranquila. No dia o mar não estava grande, mas estavam rolando algumas  ondas em toda sua extensão. É a praia mais perto do centro de Sydney. Depois da praia, aproveite para comer alguma coisa na rua em frente para apreciar a excelente atmosfera da praia.

IMG_0553

Bondi Beach.

IMG_0561

Rua da praia.

 

No mesmo dia, fui até a Collins Beach, uma praia pouco conhecida que é preciso pegar uma trilha curta para chegar nela. Na época de chuvas é possível ver a cascata que se forma na praia (Collins Beach Waterfall). A praia fica a pouco minutos da Mainly Beach.

IMG_0571

Collins Beach.

IMG_0569

Início da trilha.

 

Terceiro dia

No terceiro dia fui até a Manly Beach, uma praia mais extensa do que a Bondi beach e um pouco menos badalada também. Rolam boas ondas lá também. Dependendo do swell, o mar fica um pouco maior aqui do que em Bondi. A rua da praia tem vários mini-prédios e casas lindas. Uma qualidade de vida de dar inveja a qualquer um.

IMG_0573

Mainly Beach.

 

IMG_0576

Rua da praia.

 

IMG_0574

Mainly Beach.

 

No fim da tarde, fui até o Hyde Park que é famoso pelas largas e belas avenidas cobertas por Figueiras. No parque é possível ver a bela fonte “Archibald Fountain” e a Catedral de Santa Maria. E também se tem uma bela vista da Sydney Tower Eye.

IMG_0647

Fonte.

 

IMG_0643

St Mary Cathedral.

 

IMG_0640

Hyde Park.

 

IMG_0637

Tower Eye.

 

No quarto dia fui conhecer a Cronulla beach, mais ao sul de Sydney. Outra bela praia da cidade australiana.

IMG_0585 IMG_0586 IMG_0597

 

Depois da praia fui dar um passeio pela George St. e ver o famoso Queen Victoria Building, uma construção do séc. XIX que ocupa um bloco inteiro entre as ruas George, Market, York e Druitt Streets. No interior há diversas lojas famosas.

IMG_0659

 

A St. Andrew’s Cathedral também fica na George St.

IMG_0663

ST. Andrew’s Cathedral.

 

Sydney é classificada entre as quinze principais cidades turísticas do mundo desde 2000. Então pode ter a certeza que irá conhecer um lugar fantástico, com pessoas de todas as nacionalidades. Os países de origem dos visitantes, em ordem decrescente, são China, Nova Zelândia, Reino Unido, Estados Unidos, Coreia do Sul, Japão, Singapura, Alemanha, Hong Kong e Índia.

Boa viagem!

Fotos e texto: Leonardo Carmo







Buscar hotel

Destino

Data de entrada

Data de saida


(Visitas 1.315 , 2 visitas hoje)